#blog

mulher comendo morangos

Alimentação e envelhecimento: efeitos da dieta na sua pele

É fato comprovado: a Sociedade Brasileira de Dermatologia afirmou que “uma dieta saudável e equilibrada pode tornar sua pele muito mais bonita”

Os benefícios dessa prática são muitos: a alimentação adequada pode ser uma grande aliada no combate ao envelhecimento (quem nunca quis acabar com as tão indesejadas rugas), além de influenciar no desaparecimento da acne e das manchas de pele. 

O problema é conseguir entender quais processos afetam a saúde cutânea e aceleram o envelhecimento, sabendo escolher que alimento usar ou substituir para se obter um efeito real e duradouro. 

Você já deve ter encontrado por aí diversas sugestões “milagrosas” de dieta ou receitinhas para acordar no outro dia com um rosto de bebê.

Entre regimes e alimentos que se destacam no mercado, o ideal é seguir as recomendações da nutrição estética, um campo de conhecimento relativamente novo e que está em alta no Brasil. 

Essa ciência se concentra em indicar padrões de comportamento nutricional que cada um pode adotar para que se alcancem determinados objetivos de beleza. 

A novidade é que para além da estética, a saúde como um todo obtém melhoras visíveis na medida em que esse campo avança em seus estudos.

Nesse artigo, com a ajuda de especialistas e ciência da nutrição estética, vamos te explicar quais problemas uma má alimentação pode causar e te apresentar inúmeras soluções para você alcançar aquela tão sonhada pele de porcelana. 

Dieta e seus efeitos na pele: como a alimentação está conectada ao envelhecimento e outros problemas indesejados

mulher com laranjas

 

Recentemente, um estudo de médicos-pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro relacionou a influência direta da alimentação nas doenças cutâneas. 

Mais do que uma questão estética, a sua dieta afeta diretamente a qualidade de vida ao longo do tempo e uma nutrição adequada tem sido usada como terapia suplementar aos tratamentos médicos em casos como dermatite, acne, psoríase e outras doenças que afetam nossa derme.

No quesito beleza, temos diversos alimentos que podem ser extremamente prejudiciais para nossa saúde e que pioram nossa aparência facial e corporal.

Quem são então os considerados vilões da nossa pele? Que processos ruins esses alimentos causam e impactam nossa beleza?

A gente explica tudo agora para você:

  • Envelhecimento e flacidez: os alimentos que podem acelerar e influenciar esses processos são principalmente os açúcares e derivados de farinha branca como bolo, pães, macarrão e torrada. 

O álcool em excesso  também é apontado como um item que potencializa o envelhecimento precoce, por isso, muito cuidado com hábitos de ingestão contínua desses tipos de bebida.

           Porém, não são somente os mais jovens que possuem os tão indesejados pontinhos invasores: estima-se que eles podem aparecer em praticamente qualquer um, seja qual for o momento da vida. 

           A relação dos cravos e espinhas com a alimentação está no consumo de alimentos que desencadeiam reações hormonais, como carboidratos de alto índice glicêmico, chocolate, nozes, laticínios e alimentos gordurosos, por exemplo, frituras e preparações condimentadas.

  • Manchas: a relação dos alimentos com o surgimento de manchas está nas reações fototóxicas que algumas frutas cítricas podem causar no momento de sua manipulação. 

A recomendação é sempre lavar as mãos e o rosto após consumir laranja, limão e mexerica, por exemplo. Mais do que alimentos causadores de problemas, no caso das manchas existem tratamentos nutricionais que ajudam o desaparecimento delas: falaremos melhor desse assunto nas próximas linhas.

Conhecemos então os inimigos da nossa pele, mas nem tudo é notícia ruim por aqui! 

Nos tópicos seguintes, vamos te mostrar os efeitos poderosos que determinados itens do nosso cardápio podem causar na nossa pele e, quando combinados com procedimentos específicos, nos proporcionam a desejada beleza dos sonhos.

Combatendo o envelhecimento

A gente sabe que com o passar do tempo é normal a pele mudar seu aspecto e adquirir rugas, flacidez e outras características da idade. 

Porém, com o avanço da tecnologia e da nutrição estética, existem mecanismos que nos auxiliam a desacelerar o efeito do tempo na nossa derme. 

Você sabia que o nosso organismo pode produzir radicais livres em excesso quando não temos bons hábitos alimentares? 

Quando isso ocorre, esse processo acelera o envelhecimento cutâneo e a perda de colágeno, uma substância que funciona para "firmar" ou dar liga à pele e que precisa ser reposta continuamente. 

É natural que na medida que envelhecemos, se perca esse colágeno. Além do fator genético, a falta de proteção solar, o hábito de fumar e uma rotina de cuidados inadequados são elementos agravantes desse processo. 

Mas o que se destaca aqui é que os nossos hábitos alimentares influenciam bastante na perda de colágeno precocemente, antes do período em que normalmente essa defasagem ocorre. 

Para isso, especialistas aconselham a investir nos famosos antioxidantes, capazes de combater a falta de elasticidade e firmeza da pele, encontrados principalmente nas vitaminas A, C e E, que estão presentes em diversos alimentos.  

Insira no seu cardápio sem medo os poderosos agentes contra a oxidação, como  abacate, amora, morango, melão, pimentão, salmão, sucos laranjas de frutas, tomates, vegetais de folhas escuras e azeite. 

Você também deve incluir alimentos ricos em fibras como as leguminosas que conhecemos no nosso dia a dia: feijão, grão de bico, lentilha, soja e ervilha. 

Uma outra boa opção é usar produtos que contém grãos integrais, no caso, aveia, arroz e cevada.

Também invista em um cardápio que contenha zinco, um mineral muito indicado para ajudar no combate ao envelhecimento. Você geralmente encontra essa substância nos frutos do mar e peixes em geral, carne (opte pelas menos gordurosas), amendoim, sementes de abóbora, linhaça, nozes, macadâmia e castanhas.

E, por fim, evite a todo custo o grande vilão chamado açúcar! 

Segundo a Dra. Flavia Addor, vice- presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o consumo em excesso dos seus docinhos são potentes aceleradores do envelhecimento! 

Substituia por mel, por exemplo, caso você não consiga fazer uma mudança tão radical, pois o alimento contém antioxidantes e vitaminas que também auxiliam na beleza da pele.

Tratamentos estéticos aliados de uma dieta rejuvenescedora

Que tal potencializar os efeitos da nutrição estética no combate ao envelhecimento? Confira alguns tratamentos e técnicas poderosas que podem gerar resultados ainda mais visíveis para uma pele de bebê:

Botox

Botox testa

Botox testa 2

botox pés de galinha

 

Um dos procedimentos mais realizados e procurados hoje é um poderosíssimo aliado de quem quer uma carinha mais jovem. 

Conhecido também como toxina botulínica, além de tratar, esse procedimento previne o aparecimento de novas rugas e flacidez. 

A aplicação é simples e os efeitos no músculos são relaxantes, trazendo suavidade e jovialidade ao rosto e outros locais de aplicação, que podem variar de acordo com seus gostos e realidades.

Os efeitos do botox são vistos de forma gradual, em cerca de 15 dias após a aplicação e a sua duração ocorre entre 3 a 6 meses, precisando de retoques após esse período.

Recomenda-se que se use o botox a partir dos 23 anos e o médico precisa realizar uma avaliação, não sendo indicado o procedimento para grávidas, lactantes e portadores de alergias ou doenças como as autoimunes. 

Quer saber como fica? Dê uma olhada abaixo no antes e depois das aplicações realizadas nos nossos clientes:

Preenchedores

labial

rinomodelação

 

É comum ocorrer uma confusão entre os procedimentos de botox e os preenchedores. 

No entanto, estes últimos têm uma função corretiva que eleva determinadas regiões do rosto como olheiras, cicatrizes e sulcos.

A técnica também pode ser usada para modelar e evidenciar regiões do faciais como as maçãs do rosto, mandíbula e lábios, conferindo simetria e alinhamento aos locais que recebem a aplicação.

Dê uma conferida nas potencialidades deste protocolo:

Cabe dizer que além dos benefícios para a face, existem preenchedores que são injetados em outras áreas do corpo, onde se usa uma substância sintética chamada PMMA. 

A técnica chama a atenção por poder provocar o efeito lifting, principalmente nas regiões que delineiam as silhuetas femininas como os glúteos.

Com as aplicações em diversas regiões do corpo podemos considerar os preenchedores também como protocolos de harmonização corporal.

A gente conta tudo para você neste artigo, no qual falamos especificamente sobre o design de silhueta: colocar aqui o link do post “tudo o que você precisa saber sobre harmonização corporal”

Os benefícios do preenchimento facial para o rejuvenescimento se concentram em melhorar a firmeza da pele e sua hidratação. Seus efeitos são instantâneos e são indicados para pessoas a partir dos 18 anos, seguindo as indicações de um médico especialista, que não recomenda o uso para grávidas, lactantes e outros casos de patologias crônicas.

Sobre a duração, os efeitos do procedimento permanecem entre 8 a 12 meses, dependendo das individualidades do organismo de cada um.

No caso do preenchimento corporal, todas as indicações de idade e restrições são as mesmas das aplicações faciais, mas os resultados são ainda mais duradouros, pois podem permanecer entre 4 a 5 anos. 

Bioestimuladores

bioestimulador

 

As aplicações bioestimulantes atuam diretamente na flacidez da pele, melhorando sua elasticidade. 

Isso acontece porque as substâncias induzem a formação de colágeno. 

Também chamada de neocolagênese, a técnica é recomendada para aplicação a partir dos 20 anos e não tem limite de idade, podendo ser usada inclusive por pessoas mais idosas. 

O resultado é um rosto com muito mais firmeza e bem delineado, com efeitos visíveis após 3 meses depois da aplicação, que duram por pelo menos 18 meses!

Uma boa avaliação médica indicará se você pode realizar o procedimento e quais locais devem receber a máxima atenção. 

Skinbooster

skinbooster

 

É comum nas rotinas de skincare termos aquele creme queridinho para hidratação, não é? 

Agora imagine poder hidratar sua pele além da camada superficial, com uma nutrição muito mais eficiente! 

É isso que o skinbooster faz, promovendo além da hidratação, viço e jovialidade, com efeitos que suavizam as linhas de expressão, tonificam e repõem o colágeno.

Por trabalhar diretamente na estrutura dérmica, essa técnica injeta pequenas gotas de ácido hialurônico que induzem a elasticidade e nutrição cutânea, deixando a pele super hidratada com resultados visíveis após o segundo dia de aplicação.

Esse procedimento pode ser muito benéfico para pessoas com derme ressecada e  com a pele mais madura, que não conseguem ver resultados de grande impacto somente ao usarem os cremes faciais do dia a dia.

Recomendado para maiores de 18 anos, o protocolo é simples, rápido e pode ser feito também nas regiões do pescoço e das mãos.

Fios de colágeno

fios de colágeno

 

Também chamado de fios de sustentação, PDO, PCL e PLLA, essa técnica serve para reestruturar os tecidos, provocando um efeito lifting (aquela maravilha que estica tudo), devolvendo elasticidade à pele, além de melhorar sua textura com a suavização de rugas e linhas de expressão.

O procedimento é minimamente invasivo, guiado por cânulas para inserir os fios na pele, que depois são tracionados e posicionados, causando o desejado efeito lifting que dura cerca de 3 meses, além de estimularem o colágeno por até 2 anos.

A aparência final desse procedimento é percebida em mais ou menos 30 dias e não há nenhuma restrição de retorno à rotina depois das aplicações. 

Vale lembrar que é necessária uma avaliação detalhada de um médico para a realização, pois a técnica é contraindicada para alguns casos como em pacientes menores de 18 anos, grávidas e lactantes.

Peeling

peeling

 

Queridinho dos brasileiros, esse procedimento não invasivo renova as células ao provocar um processo de descamação ou descascamento da pele. 

Os efeitos aqui são múltiplos: combate à oleosidade, envelhecimento, clareia manchas de diversos tipos, trata estrias, melhora a aparência de cicatrizes e a textura epidérmica, além de prevenir o aparecimento de acnes e cravos. 

Para além da questão da beleza, resultados recentes de pesquisa têm mostrado que o peeling é capaz de reverter casos de melasma, acne grau II, diversos tipos de doenças cutâneas, envelhecimento precoce e falta de elasticidade.

Uma avaliação médica vai determinar a viabilidade do procedimento, qual tipo de ácido é mais indicado para você, dependendo da sua necessidade e tipo de tratamento, além de analisar suas características da pele e o grau de aplicação do peeling, que pode ser superficial, médio ou profundo.

Esse procedimento não é invasivo e não usa anestesia, mas requer cuidados após a realização, principalmente no uso de proteção solar contínua- recomenda-se passar o protetor de 4 em 4 horas e evitar ao máximo a exposição ao sol. 

Mesoterapia

mesoterapia

 

Conhecida também como intradermoterapia, a mesoterapia foi criada pelo médico francês Michel Pistor em 1952, que ao injetar procaína para tratar a surdez de um sapateiro, percebeu que injeções locais desse tipo podem reverter alguns sintomas de doenças. 

Ao avançar em seus estudos, Pistor observou que nem todos reagiam da mesma forma ao tratamento, mas que sempre se detectava melhora quando aplicava a substância, tratando dores articulares e eczemas, por exemplo.

Atualmente, a técnica de mesoderme é usada também como uma modalidade para tratamentos estéticos e pode variar de acordo com os efeitos desejados e na intercalagem de substâncias, atuando na parte capilar, flacidez, celulite, estrias e rugas. 

Para combater o envelhecimento, se usa substâncias como ácido hialurônico e outras vitaminas, que também modelam o rosto, causando um efeito antianging.

Quem determina qual elemento é mais indicado para introduzir na pele é o próprio médico, já que a mesoterapia é nome da ação de aplicar algo internamente no corpo humano, por isso a variação de vitaminas e minerais que podem ser usados no tratamento.

São necessárias múltiplas sessões, determinadas por avaliação médica, para que o protocolo seja completo. 

Já é possível observar os resultados após o 3º dia de aplicação e não precisa de tempo de recuperação, pois é um procedimento simples.

Combatendo cravos e acnes

acnes

 

Mesmo para quem já passou da adolescência, vez ou outra somos assombrados por aqueles pontinhos horrorosos que aparecem de forma indesejada no rosto. Sejam espinhas ou cravos, esses vilões podem ser combatidos de várias formas, confira a seguir:

Dê preferência para  alimentos frescos, frutas, vegetais e carnes brancas

Substitua os chocolates por cacau e inclua gorduras boas como o ômega 3 na sua dieta. 

Grãos como chia, linhaça e quinoa também são aliados de um regime balanceado e antiinflamatório. 

A nutrição estética comprovou que o consumo diário de legumes e frutas atuam como tratamentos que auxiliam na redução da acne e até mesmo na prevenção. Portanto, substitua na sua dieta o excesso de carboidratos com alto índice glicêmico e dê mais espaço para o consumo de peixes, por exemplo, que podem “inibir a ativação do  tecido adiposo do complexo 1 da proteína alvo mecanístico da rapamicina (mTORC1), sendo protetor ao aparecimento da acne”.

Uma pesquisa mais recente evidenciou que o uso de probióticos pode ser um grande aliado no tratamento da acne, modulando o sistema imunológico e provocando respostas de regulação da pele e antiinflamação. 

Existem muitos tipos desse suplemento hoje no mercado, mas o ideal é consultar seu nutricionista para consumir o probiótico mais indicado para você.

Para além da alimentação, é muito importante que se mantenha uma rotina adequada de skincare, lavando o rosto duas vezes ao dia, pelo menos. Procedimentos estéticos são altamente indicados para te ajudar no tratamento, como o peeling e o skinbooster, que já vimos acima, mas você também tem outras opções que vamos te mostrar logo a seguir:

Microagulhamento

microagulhamento

 

Se você tem cicatrizes de acne, esse procedimento pode te ajudar. 

Com pequenas perfurações múltiplas em locais específicos, essa técnica é um potente estimulante para a formação de colágeno, pois aumenta a vasodilatação e provoca um efeito rejuvenescedor, além de melhorar cicatrizes e manchas (principalmente as deixadas na pele acneica). 

A atuação também abrange o combate às rugas e estrias, além de fazer com que a pele absorva mais facilmente os produtos que você aplica no seu dia a dia.

Indicada para pessoas a partir dos 26 anos, o nível de colágeno após a realização do procedimento fica acima do comum por 6 meses, devido ao estímulo do microagulhamento.

Nesse protocolo, quase não se tem contra indicação, exceto para os casos de pacientes com problemas de pele ou que usam medicamentos anticoagulantes, por exemplo.

Limpeza de pele

limpeza de pele

 

Parece um procedimento simples, mas a limpeza é uma poderosa aliada para manter a pele longe de cravos e espinhas, além de remover outras impurezas e incentivar uma hidratação adequada, principalmente para quem tem tendência à oleosidade no rosto. 

Indicada para pessoas de qualquer idade que necessitem desse serviço, a limpeza para peles oleosas deve ser feita de forma mensal ou no máximo uma vez a cada 60 dias, para que se adquira uma pele uniformizada, nutrida e rejuvenescida.

Além disso, o custo desse procedimento é baixo, não invasivo e não provoca efeitos colaterais, exceto por vermelhidão no local que desaparece em alguns minutos.

Combatendo as manchas na pele

manchas

 

Uma pele uniformizada é o sonho de quase todo mundo, tanto que constantemente fazemos uso das tão famosas maquiagens no nosso dia a dia. 

As manchas, principalmente as faciais, podem ser grandes incômodos e influenciar diretamente na nossa autoestima. 

Já vimos que o consumo de alguns alimentos, principalmente frutas cítricas em contato com a pele podem provocar efeitos indesejados na coloração epidérmica, mas agora vamos descobrir os nossos grandes aliados na prevenção, diminuição  e desaparecimento das manchas.

Pode parecer estranho o fato de que a comida que ingerimos faz efeito na tonalidade da pele, mas pesquisas mostram que o consumo de determinados nutrientes possuem efeitos no nosso organismo como um todo.

É o caso de um estudo que apontou que o consumo de chá verde pode proteger a pele do fotoenvelhecimento, diminuindo o grau de pigmentação de manchas solares. 

A indicação do chá se deve ao fato da planta conter resveratrol, um polifenol que atua diretamente na saúde dérmica. 

Outros alimentos que contém essa substância são: uva, amendoim, amora, morango, cacau, framboesa e mirtilo.

Um dos grandes vilões entre as manchas é o melasma: uma pigmentação irregular profunda na pele que por muito tempo foi vista como decorrente da exposição solar excessiva, mas que hoje já é atribuída a outros fatores como predisposição genética, clima e alimentação. 

Apesar de não ter cura definitiva, o melasma pode ser tratado com procedimentos estéticos e também com uma nutrição adequada.

A luteína, um antioxidante, é uma dos compostos que auxiliam nesse tratamento e pode ser encontrada em alimentos comuns do nosso dia a dia como espinafre, brócolis, pimentão, cenoura e tomate. 

Insira esses alimentos na sua dieta e não deixe de potencializar os resultados com alguns procedimentos que já indicamos nesse artigo e que também podem atuar especificamente no caso das manchas, como o microagulhamento, o peeling, a mesoterapia e os bioestimuladores. 

No caso dos melasmas, aqui na Estetic Face temos um procedimento exclusivo: o protocolo Melasma Resistente, um procedimento eficiente e seguro, pois é manipulado por profissionais especialistas nesse tipo de tratamento. 

Se você quiser mais sobre alimentos poderosos contra o envelhecimento, aproveite para ler esse nosso artigo aqui: colocar o link dos “7 alimentos que retardam e previnem o envelhecimento precoce”

Gostou das nossas dicas? Deixe seu comentário logo abaixo! E lembre-se que é muito importante você ter um acompanhamento médico e nutricional sempre.

Quer saber mais sobre tratamentos ou não encontrou o seu problema específico nesse post? Deixa a gente te ajudar! Clique aqui para conversar com um especialista.



Referências

OLIVEIRA, O. M. T. de .; NUNES, J. L. S. .; OLIVEIRA, R. S. F. de .; OLIVEIRA, M. E. S. de .; MENDONÇA, L. P. de . The influence of food on aging and aesthetic disorders: an integrative review. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 12, p. e223101220333, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i12.20333. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/20333. Acesso em: 8 may. 2022.

PERRICONE, Nicholas. O guia Perricone para ter a pele mais jovem. Gulf Professional Publishing, 2005.

COMIN, Alessandra Furlan; SANTOS, ZE de A. Relação entre carga glicêmica da dieta e acne. Sci Med, v. 21, n. 1, p. 37-43, 2011.

DE OLIVEIRA, Olicélia Magna Tunico. A influência da alimentação no envelhecimento e nas desordens estéticas: uma revisão narrativa.

ARAÚJO, Larissa Duca; BRITO, Josy Quélvia Alves. Uso do Peeling Químico no Tratamento da Acne Grau II: Revisão Sistemática. Id on Line revista de Psicologia, v. 11, n. 35, p. 100-115, 2017.

MASCARELLO, Maitê; SALVADOR¹, GIOTTI. Nutricosméticos em desordens estéticas: foco na acne e envelhecimento cutâneo.

Confira também

estela---atendente-virtual---01.webp

Olá, tudo bem?Vamos conversar?Se precisar de ajudaé só me chamar!

A Estetic Face

Estetic Face Franquias Ltda
CNPJ: 29.820.741/0001-09
Avenida Sampaio Vidal, 155 - Barbosa - Marília/SP
CEP 17525-040

Sobre nós

Somos uma clínica especializada em harmonização e estética facial e corporal. A única rede do país com supervisão médica em todos procedimentos e protocolos individualizados.

Produtos

Atendimento online

Fale conosco em nosso atendimento online através do WhatsApp:

Redes sociais: